Planejamento ambidestro é tema de palestra promovida pela JValério na ACIM

Maringá recebe no próximo dia 30 de maio, a palestra do professor da Fundação Dom Cabral, Paulo Vicente. A convite da JValério Gestão e Desenvolvimento, o professor conversará com empresários da região sobre o cenário e perspectivas de 2022 a 2030, com base nos ciclos tecnológico, sob a dimensão da geopolítica, econômica e tecnológica. O evento acontecerá na ACIM – Associação Comercial e Empresarial de Maringá (R. Ver. Basílio Sautchuk, 388 – Zona 01), e as inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo whatsapp 44 99177-1711.

Para Paulo Vicente o ano de 2022 será um ano de gestão de risco, e que os empresários não devem buscar performance, mas sim resiliência e resistência. “O planejamento empresarial deve olhar para os cenários, olhando a crise que vivemos e pensando no futuro. Avaliar as matrizes de impacto, o cenário atual e a perspectiva de futuro e o plano de ação de fato”, explica. O professor ainda ressalta que o mundo que vivemos hoje, em abril de 2022 não é o mesmo de janeiro de 2022, e a tendência é ainda piorar. “Precisamos nesse ano investir apenas no que é necessário”, alerta.

O ano de 2022 vem se demonstrando desafiador para a economia. Com a invasão das tropas russas sobre o território ucraniano, impactos econômicos foram causados, como cotação do doar, ouro e petróleo. E se olharmos o efeito disso para os próximos 10 anos, não é nada animador. Para Clodoaldo Oliveira, diretor executivo da JValério, as empresas precisam ter um olhar direcionado ao planejamento estratégico deve levar em conta o desbloqueio de alguns riscos, econômicos e geopolíticos, que já faziam parte da rotina dos gestores e que se intensificaram com a Guerra entre Rússia e Ucrânia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui