PF prende ex-ministro do MEC Milton Ribeiro e pastor ligado a Bolsonaro

STF decreta sigilo em inquérito que cita Bolsonaro no caso MEC
STF decreta sigilo em inquérito que cita Bolsonaro no caso MEC

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (22) uma operação que tem como alvos o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro e pastores suspeitos de montar um gabinete paralelo para liberação de verbas dentro do MEC.

Milton Ribeiro e os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura são alvos de mandados de prisão.

A operação, batizada de Acesso Pago, cumpre mandados em Goiás, São Paulo, Pará e Distrito Federal.

Proposta para policiais andarem com armas descarregadas é falsa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui