Blue Park recebe mais de 2 mil pessoas no Dia Nacional da Pessoa com Deficiência

Blue Park recebe mais de 2 mil pessoas no Dia Nacional da Pessoa com Deficiência

Em meio às comemorações do Dia Nacional da Pessoa com Deficiência, nesse ano celebrada em 05 de dezembro, o Blue Park, um dos maiores parques aquáticos do Brasil, abre as portas para celebrar a inclusão, a diversão e a conscientização. O evento, que já é uma tradição no calendário do parque e bateu recorde de público nessa 4ª edição, recebendo mais de 2 mil pessoas com diferentes tipos de deficiência e seus acompanhantes, tornando-se um exemplo de respeito e acessibilidade.

Para o diretor geral do Blue Park, Elvio Andrade, é muito gratificante participar dessa ação pelo quarto ano consecutivo: “O Dia Nacional da Pessoa com Deficiência é uma data fundamental para promover a igualdade e a conscientização sobre as necessidades e direitos das pessoas com deficiência. Estamos muito orgulhosos de fazer parte desse movimento e de proporcionar um dia de diversão e inclusão para nossos visitantes”, salientou.

Com mais de 2 mil pessoas de todas as idades com deficiência auditiva, visual, cognitiva, intelectual, sensorial, autistas e seus acompanhantes o evento é um sucesso. “O parque se esforça para oferecer uma experiência verdadeiramente inclusiva, com funcionários treinados para atender às necessidades específicas de cada visitante”, comenta Elvio.

“Nosso objetivo é criar um ambiente onde todos se sintam bem-vindos e possam desfrutar das atrações do parque sem barreiras. Trabalhamos continuamente para melhorar a acessibilidade de nossas instalações, garantindo que todos tenham igualdade de oportunidades para se divertir”, pontuou o diretor.

O Dia Nacional da Pessoa com Deficiência no Blue Park é um exemplo inspirador de como a diversão e a inclusão podem caminhar juntas. Este evento continua a quebrar barreiras, promovendo a conscientização e mostrando que todos merecem a oportunidade de desfrutar de momentos especiais. “É uma celebração que não apenas enche os corações de alegria, mas também de esperança em um futuro mais inclusivo para todos”, finaliza Elvio.

Redação O Diário de Maringá

Notícias de Maringá e região em primeira mão com responsabilidade e ética

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *