Tratamento de Varicolece pode ser a resposta para a Infertilidade Masculina

Entre algumas das resoluções de ano novo está a de construir uma família. Mas na ânsia por um relacionamento estável e filhos, é comum que casais encontrem dificuldades para gerar um bebê e a infertilidade masculina pode ser um dos motivos para o atraso na tão aguardada gestação. E antes ainda de buscar métodos de fertilização é preciso investigar a saúde de ambas as partes.

Considerada uma das principais causas da infertilidade no homem, a varicocele é uma dilatação anormal das veias que drenam o sangue do testículo no escroto gerando refluxo venoso e ocasionando aumento da temperatura testicular e prejuízo e prejuízo às células que produzem os espermatozoides e testosterona. A doença acomete principalmente adolescentes e homens jovens e pode comprometer a capacidade de fertilização do óvulo anos mais tarde.

Embora muitos dos homens com varicocele sejam férteis, segundo Tiago Cesar Mierzwa, médico andrologista e urologista chefe do Serviço de Andrologia do Hospital Nossa Senhora das Graças e do Hospital Universitário Cajuru, com o passar do tempo pode haver uma diminuição do volume testicular, perda de qualidade do sêmen e diminuição na produção de testosterona. “Já foi demonstrado em pesquisas que a varicocele provoca danos testiculares progressivos ao longo do tempo e que a cirurgia não apenas impede o avanço, mas também reverte parte do prejuízo causado”, explica.

Em artigo publicado em seu próprio site, o especialista em medicina sexual e reprodutiva do homem esclarece que a varicocele é mais comum do que se imagina e afeta, em média, 20% dos homens. É também ela a principal causa reversível de infertilidade masculina. “A doença está presente em 40% dos homens que apresentam infertilidade para o primeiro filho (primária) e aumenta para 80% nos homens com diagnóstico de infertilidade secundária, ou seja, que não conseguiram engravidar a parceira novamente devido à piora do semen”, conclui o especialista que participa de estudos internacionais junto com os principais especialistas em tratamento de varicocele de diversos países, o que resultou na publicação de artigos científicos em uma das maiores revistas de andrologia do mundo, a The World Journal of Men’s Health.

Identificando a varicocele

A varicocele é assintomática na maioria dos casos, principalmente nos estágios iniciais, o que dificulta o diagnóstico precoce. A suspeita geralmente surge quando o paciente está investigando clinicamente uma dificuldade de engravidar sua parceira. No entanto, alguns possíveis sintomas da varicolece são dores em um dos ou ambos os testículos, sensação de peso no escroto, veias dilatadas, desconforto no testículo, alteração no formato e tamanho do testículo, assimetria testicular (testículo menor do lado onde estão as veias dilatadas devido ao refluxo sanguíneo).

Se não identificada precocemente, pode ocasionar transtornos futuros nas tentativas de gravidez do casal, portanto uma avaliação com urologista é importante desde a adolescência, onde por meio do exame físico e algumas vezes do exame de ecografia é realizado o diagnóstico.

É preciso identificar com um especialista se há real necessidade de realizar procedimento para correção da varicocele. Entre os principais resultados da cirurgia está a melhora expressiva no espermograma e aumento das chances de gravidez ao casal.

Uma das correções principais é feita por meio da microcirurgia com auxílio de doppler transoperatório. “É um procedimento minimamente invasivo com altas taxas de sucesso e satisfação e baixíssimas chances de complicações, o que acaba sendo uma das técnicas mais recomendadas com alta no mesmo dia e retorno às atividades normais a partir de três dias”, esclarece o Mestre em Clínica Cirúrgica, Tiago Cesar Mierzwa.

Varicocele e fertilização in vitro

Em busca dos tão sonhados filhos, muitos casais acabam recorrendo a métodos de reprodução assistida de alta complexidade, como a Fertilização In Vitro (FIV).

Pacientes com diagnóstico de varicocele que são submetidos à correção da varicocele antes da fertilização in vitro apresentam aumento significativo nas taxas de gravidez clínica e nas taxas de nascidos vivos de fertilização in vitro, quando comparados aos pacientes que tem varicocele clínica e não são tratados antes da FIV.

Dr. Tiago Cesar Mierzwa
Dr. Tiago Cesar Mierzwa é Urologista e Andrologista, com foco em medicina sexual e reprodutiva do homem. Possui grande experiência em microcirurgia, que é essencial para tratar varicocele e reversão de vasectomia, além de ser referência no tratamento de disfunções sexuais, como doença de Peyronie e implante de prótese peniana.

Teve seu treinamento em Andrologia no Projeto ALFA (Aliança de Laboratórios de Fertilização Assistida), em São Paulo, e realizou Observership em Medicina Sexual na Rush University – Chicago – EUA. É Mestre em Clínica Cirúrgica pela UFPR e atualmente é o chefe do Serviço de Andrologia do Hospital NS das Graças e Hospital Universitário Cajuru.

Semanalmente abastece seu site e canal no Youtube com conteúdos ligados à saúde sexual e reprodutiva do homem.

Dr. Tiago Cesar Mierzwa
Urologia e Andrologia
IG: @drtiago.urologia
www.andrologia.curitiba.br
YT: https://www.youtube.com/@drtiagomierzwaandrologia

Redação O Diário de Maringá

Notícias de Maringá e região em primeira mão com responsabilidade e ética

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *