Qual o impacto do aumento da Selic na economia e no setor de investimentos?

0
668
Selic
Selic

Desde 2016 a taxa Selic vem caindo abruptamente, chegando em 2% em 2020, trazendo impacto na forma de se investir, o que torna cada anúncio da reunião do COPOM um evento com altas expectativa por parte dos investidores. Assim hoje foi anunciado um aumento de 0,75% na taxa Selic, passando de 2% para 2,75% ao ano.
Mas qual é o impacto dessa decisão na economia e no setor de investimentos?
A decisão do aumento foi acima do que os especialistas esperavam, porém o mercado já estava antecipando esse movimento, apesar das expectativas estarem divididas sobre a tomada de decisão do Banco Central em manter a taxa ou aumentá-la.
A economia nacional vem sofrendo com pressões inflacionárias, em decorrência do aumento nos preços matérias primas, em especial as de fornecedores externo, com a depreciação da moeda nacional, e com efeitos adverso pandemia. Os setores industriais tradicionais foram o que mais sofreram impacto, devido ao aumento do custo de produção, e consequentemente a população também sofre com o aumento do valor da Cesta Básica em conjunto com a perda do poder de compra do salário-mínimo.
Com a pressão inflacionário, especialmente ligada aos custos, é necessária uma ação para “minimizar” esses impactos na economia nacional, assim o comitê optou por aumentar os juros.
Consequentemente deve ocorrer um aumento nas expectativas de controle inflacionário, tornando contratos de médio prazo mais confiáveis para os investidores.


Paloma Carpena de Assis
Doutora em Economia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui