Deputado de meio mandato poderá ser prefeito de meio mandato?

Deputado de meio mandato poderá ser  prefeito de meio mandato?

Há várias dúvidas que surgem ao se aproximar das eleições para prefeito em 2024. Uma delas é sobre candidatos que assumiram o compromisso de ser deputado e agora planejam deixar o mandato para ser prefeito.

Assessor parlamentar, ou para lamentar?

Essa atitude levanta algumas questões importantes. Em primeiro lugar, ela demonstra que o candidato não está comprometido com o mandato que assumiu. Ele está mais interessado em ocupar um cargo que lhe de mais prestígio, mesmo que isso signifique deixar para trás os compromissos que fez com os eleitores de várias cidades do Paraná.

Em segundo lugar, isso cria uma dúvida sobre a capacidade do candidato de se dedicar ao cargo de prefeito. Se ele abandonou o que prometeu como deputado, como vai cumprir o que promete para prefeito?

Por fim, levanta a suspeita de que o candidato, se eleito prefeito, vá deixar o mandato para concorrer a outro cargo, como deputado federal. Isso seria um desrespeito aos eleitores, que o elegeram para ser prefeito e, mais uma vez, ele deixa o mandato para concorrer a outro cargo.

É importante que os eleitores estejam atentos a essas questões ao escolher o próximo prefeito. Maringá, ou qualquer cidade, necessita de um gestor que se dedique aos assuntos do município, não de um político que só quer o poder para ficar disputando eleições para suprir suas próprias necessidades.

Gilmar Ferreira

Rádios: Eden FM Centenário do Sul Rádio Colorado AM Rádio Menina FM de Blumenau Rádio Globo AM Blumenau Globo FM Maringá Rede de Rádios Maringá Metropolitana FM - Maringá Jovem Pan FM - Maringá Emissoras de TV: TV Maringá Band Maringá Record RIC TV Maringá RTV 10 Maringá Record News Rede Mercosul Estado do Paraná Outras informações: Cerimonialista Jornalista - MTB 0011341/PR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *